A primeira vez que ouvi falar no Moves fiquei encantada. Uma aplicação que está sempre ligada — portanto, não tenho de me lembrar de o fazer — e que regista todos os meus movimentos diários, dando-me uma contagem dos quilómetros que fiz (a correr, andar ou pedalar), das calorias que perdi, ... Enfim, uma aplicação que me lembra diariamente que tenho de me mexer e que se calhar valia a pena fazer um esforço para ir ginásio mais logo — motivação, motivação! 

Por outro lado, é uma aplicação que sabe demasiado sobre a minha vida. Sabe qual é a distância de minha casa ao trabalho, onde é que vou almoçar e o que faço ao final do dia. É um diário das minhas rotinas, das atividades diárias de cerca de 4 milhões de utilizadores, com tudo o que de assustador isso possa ter. E o que é que aconteceu a semana passada? 

O Facebook comprou-a. 

Vejam a análise que o Evyatar Shpilman faz do assunto em Facebook Has Got Some Great Moves.

Sílvia Dias, Account Director & Executive Producer 

1 Comment