A Coca-Cola decidiu esta semana responder a um dos problemas mais evidentes do nosso mundo digitalizado: o ódio.

Com a campanha / hashtag #MakeItHappy, o objectivo é criar um contramovimento global face às ondas disparatadas de fel destilado nas redes sociais.

Isto lembrou-me um vídeo divertido com casos práticos de ódio online, de um dos meus humoristas favoritos. Bill Maher interroga-se e devemos interrogarmo-nos todos: porque é que até algo tão inofensivo como cheesecake tem direito a levar pancada no Twitter?

Mas quer nos inclinemos para a teoria sociológica de Bill Maher (o ódio vem das desigualdades sociais) ou para a minha teoria antropo-pessimista (o ódio acontece porque é tão fácil e automático), uma coisa é certa: a Coca-Cola está já de parabéns logo à partida.

Agora vamos lá praticar o bem. #MakeItHappy

Joana Ribeiro, Copywriter

Comment