Esta semana, Tim Cook pôs fim aos burburinhos e anunciou oficialmente o Apple Music no evento anual da Apple para programadores. O Apple Music vai além de um serviço de streaming e junta 3 vertentes, dentro de uma única app. 

•    Música. Streaming de música, com acesso ao gigantesco acervo do iTunes;
•    Beats1. Estação de rádio exclusiva com os seus próprios programas e apresentadores, com emissão contínua 24/7 a partir de Nova Iorque, Los Angeles e Londres;
•    Connect. Um espaço para os músicos mostrarem a sua arte diretamente aos fãs.

Quem explica isto melhor que eu é o Trent Reznor. Já agora, vejam também os outros vídeos de lançamento do Apple Music, incluindo uma breve história do som desde 1888 até 2015.

Dia 30 de junho, o Apple Music chega a 100 países e espera-se que Portugal seja um deles, por isso podem começar a contagem decrescente. Após os primeiros 3 meses de lançamento, que serão gratuitos, o serviço passa a estar disponível por 9,99 dólares/mês. Chega para lá, Spotify, faz espaço para o teu novo amigo.

Leila Santinha, Head of Content & Social Media

Comment