O Unicorn Frappuccino é o mais recente produto do Starbucks e é também a nova sensação no Instagram. Há quem diga que o sabor é péssimo — mas tem ótimo aspeto nas redes.

Durante esta semana, o Unicorn Frappuccino vai estar à venda nos Starbucks norte americanos. Uma bebida bem colorida, de edição limitada e incrivelmente doce. 59g de açúcar que não impediram o sucesso no Instagram do lançamento deste produto. Procurem por #unicornfrappuccino e vão encontrar mais de 150 mil fotos partilhadas.

Há quem diga que é a pior bebida que já bebeu. Ou que sabe a pastilha Trident com cachorro quente.

Mas ignoremos este pormenor e falemos de uma outra coisa bem mais importante: o marketing orgânico. Se o cérebro processa a imagem mais rapidamente do que o texto, ao lançarmos um produto com força visual estamos a aumentar os seus índices de divulgação e de partilha. É a vantagem de se ter um produto social media-friendly: são os consumidores que fazem o marketing. Os clientes vão tirar selfies e publicar fotografias durante vários dias, os YouTubers vão fazer reviews e os media vão escrever sobre o assunto.

E isto é bem mais mágico e precioso do que ter um unicórnio.

Celso Moura, Copywriter

Comment